sexta-feira, 7 de outubro de 2011

E a vida continua..

Hoje quero falar da vida, ou melhor, tentar falar da vida, já que penso que esse assunto é muito amplo e cada um tem uma maneira de ver as coisas, de lidar com as situações, de viver.
Por coincidência hoje pela manhã estava lendo dois dos blog’s que sigo e ambos falavam da vida, cada um com sua peculiaridade, mas que acabavam chegando ao mesmo denominador comum: as incertezas, os erros e a busca por algo que talvez nem eles saibam o que é.
Realmente viver não é fácil. A vida é uma constante busca pela realização, só que alguns conseguem mais rápido e/ou mais fácil do que outros. E aqueles que não conseguem muitas vezes caem num poço tão profundo que não conseguem sair, não acham uma forma de se livrar daquela pressão, busca, buscam e buscam explicações para conseguir sair do buraco e o que encontram é só um beco sem saída.
A Toca do Profeta hoje me surpreendeu, ele é meu irmão, e acreditem, mesmo irmãos não se conhecem por completo, mesmo irmãos não sabemos das tristezas, angústias, mesmo porque acho que é bem mais fácil contar algo para amigos (estranhos) do que para alguém da família. Ele já havia me surpreendido com a postagem sobre o aniversário do nosso irmão João, quando ele colocou todas as qualidades do mesmo e ainda disse Eu Te amo. Isso foi marcante, isso foi profundo. Vivemos num mundo onde a injustiça, o ódio, as guerras, o desrespeito, o desamor esta cada vez mais constante no dia a dia das pessoas, e ler a declaração de amor de um irmão para o outro foi muito bonito, e confesso, me senti feliz por saber que com tudo isso que citei acima, ainda temos pessoas com amor no coração.
Mas, voltando ao que eu queria dizer sobre a Toca do profeta, ou melhor, sobre meu irmão. É um rapaz super inteligente, com uma grande capacidade, sabe, o Moisés poderia ser cientista, ele sabe muito, ele se intera dos acontecimentos e consegue conversar sobre vários assuntos, a única coisa que eu vejo é que ele não soube usar a sua inteligência para si próprio, ou apenas não deu certo ainda, mas vai dar, com certeza, não dá pra perder as esperanças. Mas de uma coisa ele pode ter certeza, seu coração é de uma grandiosidade, que ele deveria se orgulhar e ter citado isso na sua postagem, onde ele só se lamentou com os erros, os desencontros amorosos, as decepções, a falta de sorte. Mas quem nunca sofreu, quem nunca perdeu.
Pois eh, a vida não é fácil e para muitos é mais difícil ainda, a questão é que não devemos desistir nunca, não devemos deixar de lutar, batalhar todos os dias, carregar o piano (como dizem). Mas também não devemos viver uma meia vida, nos privando de experimentar todas as emoções que a vida nos presenteia, de viver e ser feliz, por alguém ou por algo. Minha amiga Renata no seu blog Mosaico de reflexos colocou a seguinte frase: Viver não é fácil para ninguém, mas imagino que viver sendo o que não é, deve ser ainda pior. Concordo em gênero, grua e número.

O amanhã não chegou ainda, portanto, não vamos perder a oportunidade de viver o hoje, de viver o agora, com medo do futuro; o dia de hoje não repete, não retrocede para podermos corrigir os erros, para podermos utilizar a segunda opção, para amar mais, para se dar mais, o que passou, passou, num piscar de olhos. Podemos até nos arrepender, mas do que fizemos e não do que deixamos de fazer, também aprendemos com os erros, também crescemos como pessoa, como ser humano errando. Covarde não é aquele que tenta e erra, mas sim aquele que nunca tentou com medo de errar.
Vamos viver, e viver muito, com responsabilidade, respeito pelo próximo e muito amor.

2 comentários:

  1. Olá!!!Adorei seu espaço, muito aconchegante.E leve! Ser poeta, é ser mais "humano" do que os outros seres humanos.Valeu!Se for de seu agrado,participe do meu blog também.O link está abaixo.Mais uma vez, parabéns pelo blog!
    Abração, Rubi Valente.
    www.valentebrasil.blogspot.com

    ResponderExcluir